terça-feira, 12 de agosto de 2008

Um Salmo de Confiança



Leia o Salmo 3

Outro dia quando eu e minha família nos preparávamos para tomar café da manhã lemos o Salmo 3; vimos Davi um homem humilhado, perseguido maltratado, derramando seu coração diante do Senhor e bradando que confia no Deus de sua vida.
Ele estava fugindo da perseguição que seu próprio filho levantara contra ele. Certamente havia medo em seu coração, sua alma estava angustiada. Nos dois primeiros versos ele fala dessa situação. Do terceiro em diante ele mostra aquilo que lhe traz a paz. Davi diz: "o Senhor é meu escudo". Há no coração angustiado e abatido, a plena certeza de que o Deus da aliança lhe protege, cuida de sua vida em todos os aspectos.

Só quem de fato serve ao Senhor pode ter certeza de ser ouvido em suas orações (4) e por isso, pode mesmo em meio ao mais profundo sofrimento, deitar-se, dormir tranqüilo, e acordar em paz. Apenas quem tem intimidade com o Senhor pode dizer que é por Ele sustentado, seja em qual for a situação (5).

Davi expressa sua imensa confiança no caráter de Deus como Aquele que o protege em momentos de intenso perigo. Por saber quem é seu Senhor é que Davi podia clamar por Ele, em busca de ajuda (7).

Assim como o salmista, nós precisamos enfrentar as lutas que surgem diante de nós, confiados exclusivamente no Senhor nosso Deus. Nos momentos em que o medo, a angústia, as dúvidas, a hostes inflamadas do Maligno aparecerem diante de nós, clamemos ao Deus de nossa salvação, recorramos a Ele com a certeza de que é nosso ajudador fiel e que há de se erguer em nosso favor, derramando sobre Seu povo as mais preciosas bênçãos.

Um abraço afetuoso,


Pr. Ricardo

Nenhum comentário:

Seguidores