sexta-feira, 28 de novembro de 2008

Confessando a Cristo



"Eu lhes digo: Quem me confessar diante dos homens, também o Filho do homem o confessará diante dos anjos de Deus."
(Lucas 12.8 - NVI)

Jesus nos diz que "quem o confessar diante dos homens" será reconhecido pelos anjos no céus, pois "o Filho do homem o confessará diante dos anjos de Deus". Que maravilha! É confessar a Cristo e, ainda que você não seja reconhecido na sua própria vizinhança, você passará a ser reconhecido pelos anjos de Deus. Mas em que consiste o ato de "confessar a Cristo"?

Confessar a Cristo NÃO É:

  • Estufar o peito e dizer: "eu sou Cristão, graças a Deus!";
  • Andar com o carro adesivado, com frases/chavões do tipo "Êta, glória!", "Jesus está vivo, falei com ele hoje!" etc;
  • Andar com uma bíblia debaixo do braço, gritar versículos decorados e parar pessoas na rua sob o sol causticante do meio-dia;
  • Usar camisas, chaveiros, bonés e itens diversos que levem o nome de Jesus ou versículos bíblicos;
  • Participar da "Marcha para Jesus";
  • Ouvir música religiosa no último volume;
  • etc (...vou parar por aqui).

Não estou dizendo que fazer estas coisas é pecado, é errado, ou é antibíblico, não. Apenas quero dizer que você pode fazer estas coisas e nem por isto você estará confessando a Cristo, e mais, pode fazê-las e negá-lo completamente. Pergunte-me como. A resposta é bem simples: muitas vezes fazemos tudo o que citei na lista, mas esquecemos do principal: seguir a Cristo. Pode parecer estranho, mas isto é fato. Vejam o que Jesus disse sobre este tipo de conduta:

"...Este povo me honra com os lábios, mas o seu coração está longe de mim."
(Mateus 15.8 - NVI)

E mais:

"Por que vocês me chamam 'Senhor, Senhor' e não fazem o que eu digo?"
(Lucas 6.46 - NVI)

Confessar a Cristo não é somente levar o nome dele nos lábios, lembrar dele em datas comemorativas (o Natal está chegando... se bem que Jesus nem nasceu em dezembro... mas tudo bem), participar de eventos religiosos etc; confessar-lo é, antes de tudo, "ter um coração voltado para ele" e "fazer o que ele diz".

Confesse a Cristo no seu dia-a-dia, exercitando o seu amor ao Pai e ao seu próximo, vivendo conforme a orientação de Cristo pela Palavra, submetendo-se à vontade de Deus, fazendo valer as palavras de Cristo na sua vida: viva o Evangelho e você estará confessando a Cristo.

Alguém pode me chamar de hipócrita, e dizer que "é praticamente impossível viver o Evangelho", ao que eu respondo: Deus é suficientemente capaz de nos ajudar nisto (Lucas 18.26,27). Se você crê em Deus, há em você a disposição de viver o Evangelho, ainda que você entenda que por si mesmo é incapaz de fazê-lo. Com a ajuda de Deus, podemos viver o Evangelho "de fé em fé, como está escrito: O justo viverá por fé"(Romanos 1:17).

Confesse a Cristo através das suas atitudes.

Que a graça e paz do Senhor Jesus sejam abundantes em sua vida.

Um abraço.

Nenhum comentário:

Seguidores